Endereço: Av. José de Souza Campos (Norte-Sul) 1073, Sala 001 – Ed. Helbor Offices | 13025-320 | Cambuí | Campinas/SP

Quais as Consequências de Não ter uma boa noite de Sono

Quando os tempos passam, é impossível fugir das responsabilidades e tarefas que temos na rotina diária. São estudos, trabalho, contas para pagar, eventos e às vezes até família para cuidar. E em virtude disso, alguns momentos preciosos para se ter uma qualidade de vida adequada acabam se tornando desvalorizados, em especial o sono.

Dormir é algo essencial para regenerar as energias e enfrentar outro dia. Readequação do ciclo metabólico, renovação de células, fortalecimento dos músculos e até impulso para acelerar o trabalho nos sistemas mecânicos e químicos do corpo, como acontece com o aparelho digestivo. A hora de dormir, além de ser para descansar, também é um período que o corpo tem para realizar trabalhos sustentáveis em todas as regiões.

E se por um lado o sono é um período muito importante ao corpo, a falta dele também causa consequências desagradáveis. Numa sociedade que se mantém ainda mais atarefada, ter uma boa noite de descanso se tornou um verdadeiro desafio.

E como muita gente só se preocupa com o problema quando é alertado, resolvemos lhe dizer algumas dessas consequências que podem se agravar ainda mais quando não são solucionadas. Muitas doenças acabam se tornando um grande tormento e desenvolver não só distúrbios do sono, mas também outras doenças.

Transtorno de Ansiedade

É um dos casos que mais se tornaram comuns atualmente. Durante a hora de dormir, o corpo produz o cortisol, que é um hormônio responsável a regular o nível de ansiedade e estresse. Se você não dorme o suficiente, a escassez desse hormônio lhe deixa mais ansiosa, agitada e estressada. O medo de dormir é ainda maior porque você sabe que vai acordar num nível temperamental muito delicado no dia seguinte.

Ataques cardíacos

Um dos problemas que mais tem preocupado cardiologistas brasileiros. Segundo um censo feito com cardiologistas brasileiros, uma média de 650 pessoas morre por ano em virtude de distúrbios do sono. A falta de uma noite bem dormida mantém o nível de trabalho do coração ainda mais frenético, possibilitando interferências e ataques abruptos nos batimentos cardíacos. E pessoas mais novas, a partir dos 20 anos estão ficando cada vez mais suscetíveis ao problema.

Obesidade

Durante a hora de dormir, o metabolismo faz com que o índice de algumas substâncias no corpo seja equilibrado, inclusive o dos ácidos graxos. Quando há dificuldade em se ter uma boa noite de sono, esses ácidos se concentram numa taxa muito elevada, ocasionando o surgimento da obesidade. A insulina, que é a substância que protege o corpo também contra o diabetes, tem sua presença reduzida no corpo e então o metabolismo fica estagnado ou tem um processo de desenvolvimento bem mais lento.

Alzheimer

E se os distúrbios já prejudicam o aspecto físico, também não deixam de lado o aspecto mental. O mal de Alzheimer também é um problema resultante da deficiência de boas horas de descanso. Como o cérebro costuma trabalhar com mais eficácia durante o sono para eliminar resíduos mentais nocivos, a falta de dormir pode acumular esses resíduos em grande quantidade na mente, ocasionando demência e esquecimento.

Por isso, se você deseja ter uma melhor qualidade de vida, procure um especialista para cuidar dos distúrbios do sono que você enfrenta. É bem melhor procurar ajuda agora do que com um problema mais grave posteriormente.

Categorias

Facebook

Doctorália

Karina Marani - Doctoralia.com.br
Top
×
Olá! Podemos te ajudar?